segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Hoje...

Não quero pensar que tenho vida. Nem trabalho. Nem casa.Quero chorar com um sorriso rasgando meu rosto, me perder num colo aconchegante, sentir a semi-morte de um orgasmo.Preciso ser calada! Com um beijo ardente e mãos fortes envolvendo minha cintura...Hoje quero me esconder. Dentro de você.